Argentina deve plantar 100 mil hectares a mais de soja em 2020/2021

Recuperação de preços da oleaginosa melhorou a relação de troca para o produtor argentino em grande parte da região agrícola no país

A área semeada com soja na Argentina deve somar 17,2 milhões de hectares na temporada 2020/21, de acordo com estimativa da Bolsa de Cereais de Buenos Aires. A projeção representa aumento de 100 mil hectares, ou 0,6%, ante o ciclo anterior. Segundo a Bolsa, com a redução das áreas ocupadas por outras culturas, como trigo, cevada, girassol e milho, haverá uma maior oferta de lotes para o plantio de soja.

Além disso, “a recuperação dos preços permite uma melhora da relação insumo-produto em grande parte da região agrícola, favorecendo não apenas o cultivo de soja de primeira safra, mas também o plantio de segunda safra”, relatou a Bolsa.

A Bolsa de Cereais observou, no entanto, que as condições climáticas devem limitar os trabalhos durante a janela ideal de plantio, por causa principalmente da confirmação do La Niña e da alta probabilidade de que o fenômeno persista até o começo do verão no Hemisfério Sul. De acordo com a Bolsa, a previsão para os próximos meses é de chuvas abaixo da média histórica em importantes regiões agrícolas do país.

 

site do café

O post Argentina deve plantar 100 mil hectares a mais de soja em 2020/2021 apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

30 de setembro de 2020 14:05

273 visualizações, 0 hoje