Bem vinda, Visitante! [Registrar-se | Entrar

Coelhos – Marcação e Registro

Coelhos - Marcação e Registro, DESTAQUES 16 de outubro de 2018

Coelhos – Marcação e Registro

Em uma criação bem organizada, todos os coelhos devem ser marcados, para que seja possível um controle rigoroso sobre toda a criação e uma identificação segura de cada animal.

A marcação deve ser feita, de preferência, no próprio animal ou então, em pequenas criações, nas gaiolas em que eles se encontram. Neste caso, o número da gaiola será o número do coelho.

O melhor método de marcação para coelhos é o da tatuagem na orelha, sendo utilizado, para isto, um alicate especial, no qual são colocados números, letras ou qualquer outro sinal, de acordo com o desejo do criador.

A marcação serve para identificar os coelhos, individualmente, mas não fornece todas as informações sobre a vida do animal. Para isso, é necessário que o criador tenha um livro geral de registro e que possua, também, uma ficha individual de cada coelho, para que possa controlar a época de iniciar a reprodução, verificar quais são os seus pais, etc.

Esses registros podem ser feitos em arquivos físicos ou através de arquivos em microcomputadores. Para isso, pode-se utilizar qualquer planilha eletrônica ou comprar um software específico para esse fim. No caso de se manter registros físicos, as fichas devem ser de papel grosso ou papelão e penduradas nas coelheiras, para facilitar sua consulta. As fichas para machos, devem conter seu número, raça, seus pais ou ascendentes, dia do nascimento e a data de todas as coberturas que realize e qualquer outra informação julgada necessária.

Para as fêmeas, os dados a serem anotados são: número, raça, seus pais, data de nascimento, data das coberturas, machos empregados nos acasalamentos, dia dos nascimentos de crias e dias de desmames, e ainda, o número e o sexo das crias desmamadas.

Pelas fichas e registro geral, pode ser controlada a vida de todos os coelhos, podendo, assim, ser escolhidos os melhores para a reprodução. Além disso, esse controle permite ao criador melhor orientar a sua criação. Uma criação bem organizada não pode deixar de ter o registro de todos os seus coelhos.

O post Coelhos – Marcação e Registro apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

Sem tags

132 total de visualizações, 1 hoje

  

Links patrocinados

Site do Café
  • Vaca é vendida por preço recorde neste ano: R$ 1,95 milhão

    de em 30 de outubro de 2019 - 0 Comentários

    Vaca é vendida por preço recorde neste ano: R$ 1,95 milhão A economia continua patinando, mas os negócios nos leilões de elite seguem de vento em popa e movimentando cifras milionárias. A vaca nelore Jamaya da Di Gênio foi vendida no 5º Encontro Vila Real, pregão realizado em Brotas (SP), no último dia 26, por […]

    O post Vaca é vendida por preço recorde neste ano: R$ 1,95 milhão apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

  • Vaca Louca

    de em 8 de novembro de 2019 - 0 Comentários

    “DOENÇA DA VACA LOUCA” é o termo vulgar denominado da enfermidade Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB). É uma doença infecciosa que causa lesões neurodegenerativas (degenera o cérebro) progressivas e levam o animal à morte. Supõe-se que a epdemia da Vaca Louca, teve início na Inglaterra em 1985, porém, além da Grã-Bretanha, a doença já foi diagnosticada […]

    O post Vaca Louca apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

  • Vaca Louca

    de em 8 de novembro de 2019 - 0 Comentários

    “DOENÇA DA VACA LOUCA” é o termo vulgar denominado da enfermidade Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB). É uma doença infecciosa que causa lesões neurodegenerativas (degenera o cérebro) progressivas e levam o animal à morte. Supõe-se que a epdemia da Vaca Louca, teve início na Inglaterra em 1985, porém, além da Grã-Bretanha, a doença já foi diagnosticada […]

    O post Vaca Louca apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

  • Produção comercial de rãs

    de em 30 de outubro de 2019 - 0 Comentários

    A criação de rãs ou ranicultura é uma atividade pecuária das mais lucrativas, desde que desenvolvida de maneira adequada, com um padrão zootécnico elevado. Desta forma, poderemos obter uma alta produtividade e, conseqüentemente, boa lucratividade. As condições em um ranário são completamente diferentes das encontradas pelas rãs na natureza, pois o nosso objetivo ao criá-las […]

    O post Produção comercial de rãs apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

  • Vaca Louca

    de em 8 de novembro de 2019 - 0 Comentários

    “DOENÇA DA VACA LOUCA” é o termo vulgar denominado da enfermidade Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB). É uma doença infecciosa que causa lesões neurodegenerativas (degenera o cérebro) progressivas e levam o animal à morte. Supõe-se que a epdemia da Vaca Louca, teve início na Inglaterra em 1985, porém, além da Grã-Bretanha, a doença já foi diagnosticada […]

    O post Vaca Louca apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.