Os veterinários no campo

Todos os anos, milhares de novos médicos veterinários se formam nas universidades brasileiras, cada qual, com um objetivo diferente na vida. Muitos decidem viver nas cidades, cuidando de animais de estimação, como cães e gatos e outros decidem trabalhar com animais de médio e grande portes, no campo.
O campo de trabalho para veterinários nas áreas rurais é enorme, do tamanho da imensidão do Brasil. Pequenos, médios e grandes fazendeiros, que criem qualquer tipo de animal precisam do auxílio de veterinários, tanto para a manutenção adequada e lucrativa de seus rebanhos como até para iniciarem uma criação de maneira correta. Esta é uma área em que os médicos veterinários trabalham junto com os profissionais em zootecnia, planejando e orientando os produtores rurais a alcançar os melhores resultados.

Existem profissionais veterinários que se instalaram em regiões muito produtivas e prestam serviços de assessoria técnica a fazendeiros, cobrando por hora, por animal tratado, pelo serviço executado ou mesmo como um funcionário fixo, em folha de pagamento. Além disso, é muito comum serem contratados para ajudarem na implantação de uma criação ou mesmo auxiliando o produtor a se decidir por uma ou outra atividade.

Como não são todas as pessoas que se dispõem a morar no campo, em pequenas cidades ou propriedades rurais afastadas, existe uma carência muito grande de profissionais no campo, o que chega a ser um verdadeiro contra-senso. Em estados das regiões Centro-Oeste e Norte do país, é muito difícil se encontrar profissionais em número suficiente para atender a demanda crescente de fazendeiros que por lá se instalaram, principalmente com criações de gado.

site do café

O post Os veterinários no campo apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

27 de janeiro de 2020 14:10

481 visualizações, 0 hoje