Tuberculose bovina

A tuberculose é uma doença que atinge principalmente os linfonodos e os pulmões, diminuindo a capacidade respiratória dos animais, mas também pode afetar as glândulas mamárias, testículos, útero, etc. O conhecimento de como a doença se desenvolve no rebanho é importante para o criador, pois a contaminação do gado pela micobactária M. bovis pode atingir os seres humanos.

As pessoas que mantém contato contínuo com os animais podem se contaminar através da respiração, fezes, leite ou fluidos corporais do animal, com o agravante de que esses germes são eliminados bem antes do surgimento dos primeiros sintomas da doença. A contaminação também se da pela ingestão do leite in natura e seus derivados.

O desconhecimento da gravidade da doença faz com que a tuberculose contamine o rebanho lentamente, até atingir predominância, o que leva a perdas de até 25% da eficiência produtiva. Nos bovinos, a única forma de saneamento do rebanho é o descarte dos animais doentes.

Medidas de higiene, como limpeza e desinfecção das instalações e cuidados na introdução de novos animais no rebanho (com testes negativos provenientes de rebanhos livres, quarentenário e isolamento de animais inconclusivos) também são importantes para evitar que a doença se instale na propriedade.

Adubo para Grama

O post Tuberculose bovina apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

21 de novembro de 2019 19:20

609 visualizações, 0 hoje