A utilização da farinha de minhoca

A utilização da farinha de minhoca

A farinha de minhoca pode auxiliar o minhocultor em diversos aspectos: primeiro, por ser uma forma de diminuir o excesso de minhocas (esses animais têm facilidade de reprodução por serem hermafroditas), segundo, por servir como complemento eficiente à nutrição animal.
Para produzi-la, o minhocultor deve utilizar a minhoca Vermelha da Califórnia, que contém não só todos os aminoácidos essenciais, como ainda tem altos níveis de proteína. Para a produção de um quilo de farinha, usam-se de sete a dez quilos de minhocas. Seu preparo se dá em laboratório, porém, é importante frisar que a farinha de minhoca é um produto natural, sem corantes e sem conservantes.
Esse composto pode ser utilizado como complemento alimentar (e não como ração principal) para vários animais, como aves, mamíferos, peixes, rãs e até mesmo, na alimentação humana (na China, por exemplo, consumir minhocas é algo milenar). A farinha de minhoca exerce atração sobre os animais, devido à presença de feromônio em seu composto- hormônio sexual que melhora o estímulo ao acasalamento. Seu consumo também deixa os animais mais bonitos, fortes e saudáveis, por seu caráter energético.

O post A utilização da farinha de minhoca apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

13 de novembro de 2018 09:57

246 visualizações, 0 hoje