Uso de drones aumenta eficiência na aplicação de defensivos

Os drones são capazes de identificar focos de infestação de plantas daninhas e operar em áreas de difícil acesso, segundo especialista

O uso conjunto de drones e aviões agrícolas aumentam a precisão na hora de aplicar defensivos nas pragas e doenças. Os drones são capazes de identificar focos de infestação de plantas daninhas e operar em áreas menores ou de difícil acesso, enquanto os aviões atuam em áreas de grande extensão.

De acordo com o especialista em tecnologia, Henrique Campos, a aplicação aérea é uma prática segura, regulamentada e fiscalizada. “O drone é uma ferramenta que traz todos os benefícios que a aplicação aérea pode trazer, mas é mais utilizado como complemento do processo. Esse equipamento oferece a possibilidade de aplicar defensivos em áreas mais localizadas”, diz.

Para quem não tem muito conhecimento desta tecnologia, o especialista indica contratar uma empresa terceirizada que já presta este serviço no mercad…

Read more about Uso de drones aumenta eficiência na aplicação de defensivos
  • 0

Uso de drones aumenta eficiência na aplicação de defensivos

Os drones são capazes de identificar focos de infestação de plantas daninhas e operar em áreas de difícil acesso, segundo especialista

O uso conjunto de drones e aviões agrícolas aumentam a precisão na hora de aplicar defensivos nas pragas e doenças. Os drones são capazes de identificar focos de infestação de plantas daninhas e operar em áreas menores ou de difícil acesso, enquanto os aviões atuam em áreas de grande extensão.

De acordo com o especialista em tecnologia, Henrique Campos, a aplicação aérea é uma prática segura, regulamentada e fiscalizada. “O drone é uma ferramenta que traz todos os benefícios que a aplicação aérea pode trazer, mas é mais utilizado como complemento do processo. Esse equipamento oferece a possibilidade de aplicar defensivos em áreas mais localizadas”, diz.

Para quem não tem muito conhecimento desta tecnologia, o especialista indica contratar uma empresa terceirizada que já presta este serviço no mercad…

Read more about Uso de drones aumenta eficiência na aplicação de defensivos
  • 0

Soja: colheita em Nova Mutum (MT) deve iniciar na próxima semana

O estado já colheu aproximadamente 2,23% até a última sexta-feira, afirma o Imea. Isso representa um pequeno avanço na colheita ante os 0,8% da semana anterior

A colheita da soja ainda não iniciou em Nova Mutum (MT), no médio-norte de Mato Grosso. Segundo o engenheiro agrônomo da Jatobá Planejamento e Consultoria Agronômica, Fernando Gazola, os trabalhos devem começar na próxima semana para a maioria dos produtores do município.

“Por exemplo, já há colheita de lavouras sob pivôs”, destaca ele..

O atraso da safra fica entre 10 a 15 dias em relação à média da região, mas a região de Nova Mutum não deve ter quebra de safra, diz Gazola.

“Entre o que parecia, e o que se vê, as lavouras estão muito boas”, afirma ele.. Agora, a preocupação é com a chuva na época de colheita. “Hoje o céu amanheceu limpo, mas já se armou para chover”, comenta ele.

Segundo o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), até o dia 22 de janeiro…

Read more about Soja: colheita em Nova Mutum (MT) deve iniciar na próxima semana
  • 0

Soja: colheita em Nova Mutum (MT) deve iniciar na próxima semana

O estado já colheu aproximadamente 2,23% até a última sexta-feira, afirma o Imea. Isso representa um pequeno avanço na colheita ante os 0,8% da semana anterior

A colheita da soja ainda não iniciou em Nova Mutum (MT), no médio-norte de Mato Grosso. Segundo o engenheiro agrônomo da Jatobá Planejamento e Consultoria Agronômica, Fernando Gazola, os trabalhos devem começar na próxima semana para a maioria dos produtores do município.

“Por exemplo, já há colheita de lavouras sob pivôs”, destaca ele..

O atraso da safra fica entre 10 a 15 dias em relação à média da região, mas a região de Nova Mutum não deve ter quebra de safra, diz Gazola.

“Entre o que parecia, e o que se vê, as lavouras estão muito boas”, afirma ele.. Agora, a preocupação é com a chuva na época de colheita. “Hoje o céu amanheceu limpo, mas já se armou para chover”, comenta ele.

Segundo o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), até o dia 22 de janeiro…

Read more about Soja: colheita em Nova Mutum (MT) deve iniciar na próxima semana
  • 0

Irrigação de hortaliças com água de reuso é eficiente e tem baixo custo

A Embrapa desenvolveu um projeto que utiliza água de reuso para irrigação de hortaliças, atendendo padrões de qualidade para o consumo humano

Um estudo realizado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) em parceria com o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), tem comprovado através de um experimento, a eficácia do reúso de água para irrigação de hortaliças com um sistema de Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) eficiente e de baixo custo.

O protótipo de estação de esgoto sanitário, que conta com uma área de 200 m² cultivada com alface, se mostrou eficaz no experimento realizado. Os pesquisadores obtiveram resultados parciais promissores ao analisar o padrão de qualidade da água residuária e água proveniente de córrego, utilizadas na irrigação das plantas.

Foto: Carlos Pacheco

Nos testes realizados com alface irrigada, n…

Read more about Irrigação de hortaliças com água de reuso é eficiente e tem baixo custo
  • 0

Irrigação de hortaliças com água de reuso é eficiente e tem baixo custo

A Embrapa desenvolveu um projeto que utiliza água de reuso para irrigação de hortaliças, atendendo padrões de qualidade para o consumo humano

Um estudo realizado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) em parceria com o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), tem comprovado através de um experimento, a eficácia do reúso de água para irrigação de hortaliças com um sistema de Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) eficiente e de baixo custo.

O protótipo de estação de esgoto sanitário, que conta com uma área de 200 m² cultivada com alface, se mostrou eficaz no experimento realizado. Os pesquisadores obtiveram resultados parciais promissores ao analisar o padrão de qualidade da água residuária e água proveniente de córrego, utilizadas na irrigação das plantas.

Foto: Carlos Pacheco

Nos testes realizados com alface irrigada, n…

Read more about Irrigação de hortaliças com água de reuso é eficiente e tem baixo custo
  • 0

Quebra no café neste ano pode refletir também para 2022, diz Faemg

Segundo dirigente da entidade, além da bienalidade negativa, o clima vai trazer impacto para os produtores, que vão precisar de mais recursos

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) estimou uma quebra de até 30,5% na produção de café neste ano. Para Minas Gerais, principal produtor brasileiro, a queda pode ser até 43% menor. Para a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg), os números preocupam.

“É uma perda muito significativa e que nos preocupa muito, porque esses reflexos do clima provavelmente impactarão também a safra seguinte, de 2022. Precisaremos criar dispositivos para que o cafeicultor brasileiro tenha condições de ultrapassar esse momento. Desde o ano passado temos trabalhado nessa busca por recursos, linhas de crédito e instrumentos de renda para o produtor”, destaca Breno Mesquita, vice-presidente da federação e presidente das Comissões de Cafeicultura da entidade e da CNA.

Segundo ele…

Read more about Quebra no café neste ano pode refletir também para 2022, diz Faemg
  • 0

Quebra no café neste ano pode refletir também para 2022, diz Faemg

Segundo dirigente da entidade, além da bienalidade negativa, o clima vai trazer impacto para os produtores, que vão precisar de mais recursos

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) estimou uma quebra de até 30,5% na produção de café neste ano. Para Minas Gerais, principal produtor brasileiro, a queda pode ser até 43% menor. Para a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg), os números preocupam.

“É uma perda muito significativa e que nos preocupa muito, porque esses reflexos do clima provavelmente impactarão também a safra seguinte, de 2022. Precisaremos criar dispositivos para que o cafeicultor brasileiro tenha condições de ultrapassar esse momento. Desde o ano passado temos trabalhado nessa busca por recursos, linhas de crédito e instrumentos de renda para o produtor”, destaca Breno Mesquita, vice-presidente da federação e presidente das Comissões de Cafeicultura da entidade e da CNA.

Segundo ele…

Read more about Quebra no café neste ano pode refletir também para 2022, diz Faemg
  • 0

RS: cooperativa Cotripal diz que chuvas devem dar bom potencial produtivo para a soja

Segundo a cooperativa, as lavouras se dividem entre as fases de desenvolvimento vegetativo (70%) e de floração (30%)

As chuvas que atingiram a soja da região de atuação da Cotripal, no Rio Grande do Sul, favoreceram uma recuperação das lavouras. A área é projetada em 180 mil hectares. A cooperativa atua em Panambi mais nove municípios no norte estado.

O engenheiro agrônomo da Cotripal, Dênio Oerlecke, disse que o clima contribui para um bom potencial produtivo. “Se seguir assim, o rendimento deve chegar a 60 sacas por hectare. A colheita deve começar por volta de 20 de março.”

Segundo a cooperativa, as lavouras se dividem entre as fases de desenvolvimento vegetativo (70%) e de floração (30%).

Emater também está mais otimista

O Rio Grande do Sul concluiu o plantio dos 6 milhões de hectares de soja da safra 2020/2021, afirma a Emater-RS. Segundo a entidade, as chuvas na última semana favoreceram os trabalhos, e muitas áreas estão …

Read more about RS: cooperativa Cotripal diz que chuvas devem dar bom potencial produtivo para a soja
  • 0

Vacina contra Covid: plano do Paraná inclui aviões para atingir interior

Governo diz que tem insumos para vacinar toda a população e que logística irá atender até os locais mais afastados

A expectativa para o Plano Nacional de Imunização (PNI), previsto para ter início no dia 20 de janeiro, está fazendo o governo do Paraná se mobilizar para garantir pessoal, equipamentos e insumos para atender a população na capital e no interior. Segundo o governo estadual, já estão disponíveis agulhas, seringas, máscaras, luvas, aventais e algodão, entre outros itens, que estariam armazenados em dois pontos principais em Curitiba: o Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar) e o Ginásio de Esportes do Tarumã.

Entre agulhas e seringas, o Paraná contaria atualmente com 11 milhões de unidades em estoque, quantidade que vai saltar para 27 milhões com a compra de mais 16 milhões, em fase final de aquisição pela Secretaria de de Saúde. Segundo a pasta, o material garante as duas doses de vacinação de toda a população paranae…

Read more about Vacina contra Covid: plano do Paraná inclui aviões para atingir interior
  • 0