Bem vinda, Visitante! [ Registrar-se | Entrar

As criações de minhocas em ambientes fechados, ou internas

As criações de minhocas em ambientes fechados, DESTAQUES 9 de novembro de 2018

As criações de minhocas em ambientes fechados, ou internas

As criações de minhocas em ambientes fechados, ou internas, podem ser feitas em canteiros de madeira tipo cocho, de tábuas, cuja largura deve permitir que o tratador, de um lado, possa alcançar o lado oposto, com a mão. O seu comprimento depende do desejo do criador ou do espaço disponível.

Os canteiros podem ser no solo, com os lados feitos de tábuas, troncos, bambu roliço ou rachado, tijolos, placas de cimento, blocos de cimento ou qualquer outro material fácil de se obter e que se adapte a esse tipo de construção.

As criações internas, como em galpões, por exemplo, são mais usadas nas regiões mais frias. Cocheiras, galpões, etc., podem ser usados com sucesso, para este fim, sendo empregado o calor artificial para não só manter as minhocas vivas mas também para que elas continuem se reproduzindo durante as épocas mais frias. É necessário, no entanto, que tenha ventilação para eliminar os gases, quando usados aquecedores a gás.

Podemos alimentar as minhocas com restos de cozinha suplementado com ração para galinha. Os restos de cozinha podem ser espalhados sobre os canteiros, desde que não apresentem mal cheiro.

Viveiros ou caixas

Podemos colocá-los sobre pés com latas de óleo com querosene para evitar a subida de formigas e outros predadores como, por exemplo, ratos. As madeiras para a construção dos viveiros devem ser “tratadas” para que durem mais. Não devemos, no entanto, usar creosoto, porque pode fazer mal às minhocas. Podemos usar uma camada de parafina quente, resina de pinheiro ou mesmo uma tinta especial, pois são inofensivas para as minhocas.

 

O post As criações de minhocas em ambientes fechados, ou internas apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

Sem tags

117 total de visualizações, 1 hoje

  

Links patrocinados

Site do Café