Bem vinda, Visitante! [ Registrar-se | Entrar

Implantação de um minhocário

DESTAQUES, Implantação de um minhocário 9 de novembro de 2018

Implantação de um minhocário

Quando vamos iniciar a implantação do minhocário, devemos verificar quais são as instalações que devem ser construídas primeiro, isto é, devemos fazer uma escala de prioridades, para que fiquem prontas, antes, as que serão utilizadas com mais urgência.

Assim sendo, daremos a seguir uma escala de prioridades que, em geral, pode ser adotada na maioria dos casos:

1 – construir, para servir de depósito, um barracão de madeira, pau-a-pique, adobe ou mesmo de tijolos de blocos, desde que nesses dois últimos casos, possam ser aproveitados, depois, como instalações definitivas e que servem para guardar material de construção, ferramentas, para escritório, etc.;

2 – construir cercas externas, no perímetro do imóvel, para protegê-lo de estranhos, assaltantes, animais, etc.;

3 – construção dos canteiros, das caixas ou dos tabuleiros de reprodução ou de produção;

4 – construir a casa-sede ou de administração;

5 – fazer cercas internas para separar o minhocário do resto do imóvel, para que ele fique melhor protegido;

6 – outros trabalhos ou construções que se fizerem necessários como, por exemplo, curvas de nível, valetas, estradas internas, pedilúvios, etc.
O volume das construções ou das benfeitorias dependem, naturalmente, de vários fatores como, por exemplo: área e características do imóvel; “tamanho” do minhocário a ser implantado; condições econômico-financeiras do criador; possibilidades de mercado; escoamento da produção, etc.

Como o objetivo de uma criação comercial é produzir os maiores lucros possíveis, é necessário fazermos a maior economia, evitando gastos desnecessários. A economia deve ser feita, sempre, desde que não prejudique o andamento dos trabalhos, a produção e a produtividade. A técnica é limitada, às vezes, pelo fator econômico desde que isso não prejudique a criação ou provoque prejuízos.

A concentração, a disposição racional e a funcionalidade das instalações são importantes para facilitar os serviços e o manejo da criação, evitando caminhadas e serviços desnecessários, o que redunda em grande economia de mão-de-obra.

Como as instalações podem variar muito quanto à sua construção e o seu tipo, é necessário muito cuidado para que seja feita uma escolha acertada, das mais adequadas, das que melhor se adaptem às circunstâncias, mas sempre dentro da maior economia possível, para que sejam obtidos os melhores resultados, ou seja, maior produtividade e maiores lucros.

O post Implantação de um minhocário apareceu primeiro em Celeiro do Brasil.

Sem tags

101 total de visualizações, 1 hoje

  

Links patrocinados

Site do Café